Portal atualizado em: 25 de junho de 2022 às 19:57h

Conde abre processo seletivo para preencher oito vagas em programas federais

Início Conde abre processo seletivo para preencher oito vagas em programas federais

A Prefeitura de Conde publicou, na última quinta-feira (31), editais para preencher 8 vagas nos programas “Tempo de Aprender” e “Brasil na Escola”, estes gerenciados pela Secretaria de Educação, Cultura e Esportes (Semec).

São 6 (seis) vagas de Assistente de Alfabetização Voluntário para o programa “Tempo de Aprender” e 2 (duas) de Monitor Voluntário do programa “Brasil na Escola”, ambas no âmbito municipal. Se destinam a professores alfabetizadores com magistério; graduados, preferencialmente em pedagogia ou em outra licenciatura; estudantes de graduação, preferencialmente em pedagogia ou licenciatura; e profissionais com experiência comprovada na área de apoio à docência.

O interessado deve ser brasileiro; maior de 18 anos; tendo, no mínimo, formação de nível médio completo, podendo ser pedagógico, magistério ou logos; e/ou possuir habilidade na atividade de apoio à docência. (VER EDITAL)

Caso preencha os requisitos supracitados, o interessado deve procurar a Semec até o próximo dia 20 de abril com cópias e originais dos seguintes documentos: identidade, CPF, comprovante de residência, diploma ou comprovante de matrícula (caso ainda esteja cursando) e curriculum vitae.

Segundo a Semec, os selecionados terão direito a uma bolsa de ajuda de custo.

TEMPO DE APRENDER
É um programa de alfabetização abrangente, com o propósito de melhorar a qualidade da alfabetização nas escolas públicas do Brasil através de ações que atuam para aprimorar a formação pedagógica e gerencial de docentes e gestores, disponibilizando materiais e recursos baseados em evidências científicas para alunos, professores e gestores educacionais, e aprimorando o acompanhamento da aprendizagem dos alunos, por meio de atenção individualizada.

Com o objetivo de melhorar a qualidade da alfabetização, o programa Tempo de Aprender propõe ações estruturadas em quatro eixos:
1 – Formação continuada de profissionais;
2 – Apoio pedagógico e gerencial;
3 – Aprimoramento das avaliações;
4 – Valorização dos profissionais.

Atualmente o Programa conta com 4.832 adesões em todo o país, 207 mil professores formados e 16 milhões de acessos aos cursos on-line.

BRASIL NA ESCOLA
A proposta do Programa Brasil na Escola é induzir inovações e estratégias para garantir a permanência e aprendizagem dos estudantes dos anos finais do Ensino Fundamental, apoiando a execução das metas 2 e 7 do Plano Nacional de Educação (PNE).

Segundo o Ministério da Educação (MEC), o Programa utiliza os seguintes eixos: apoio técnico e financeiro às escolas, valorização de boas práticas e inovação. Ainda está prevista a realização de formações, seminários, fóruns e estudos sobre o Ensino Fundamental, além de seleção de escolas para o fomento de projetos inovadores.

Texto: Eudes Santiago/SECOMD

Compartilhar

Notícias Relacionadas